Motiva - A Escola das Grandes Conquistas
Nossas Conquistas

Aluna Motiva conquista Bronze no 46º Concurso Internacional de Redação de Cartas

A aluna Julia Medeiros de Sá, do 9º ano do Ensino Fundamental, conquistou a medalha de Bronze na etapa estadual do 46º Concurso Internacional de Redação de Cartas. O concurso é promovido em todo o mundo pela União Postal Universal (UPU), entidade que congrega os operadores postais de 191 países, que aqui no Brasil é viabilizado pelos Correios.

Como todo ano o concurso apresenta um tema central para que os alunos e alunas redijam uma carta de próprio punho contendo no máximo 900 palavras. Na 46ª edição os participantes tiveram que imaginar ser assessor do Secretário Geral das Nações Unidas e aconselhar a resolução de algum problema de impacto mundial.

“Abordei em minha carta a questão dos refugiados. Aconselhei a organização de uma reunião com os países envolvidos na crise para discutir temas como a adaptação dos refugiados à nova vida em um novo país”, explicou Julia Medeiros.

De acordo com a estudante o concurso foi divulgado durante a Oficina de Texto, ofertada para os alunos do Colégio Motiva. “O concurso sempre é divulgado na Oficina, mas nunca tinha inscrito um texto meu. Esse ano resolvi inscrever e consegui alcançar o resultado. A carta foi a primeira redação que fiz nesse ano”, comentou a aluna.

Para participar do concurso Julia participou primeiro de uma seleção interna, seguindo as regras estabelecidas no regulamento do prêmio. Cada escola pode inscrever no somente duas redações. Participam estudantes de até 15 anos de idade da rede pública e privada de ensino e são realizadas duas fases: estadual e nacional.

Quanto aos prêmios, na etapa estadual, o autor da melhor redação ganhará R$ 1.000, sendo o Bronze premiado com o valor de R$ 700,00. Já na fase nacional, o vencedor ganhará R$ 5.000 e um troféu, e sua redação representará o Brasil na etapa internacional, a ser realizada pela União Postal Universal. As escolas também recebem prêmios: R$ 2.000 na fase estadual e R$ 10.000 na nacional.

| Texto | Érica Chianca  | Fotos | Artur Cavalcanti